<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d8890843\x26blogName\x3dAtordoadas\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://atordoadas.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://atordoadas.blogspot.com/\x26vt\x3d7904952202693746813', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

domingo, 14 de maio de 2006

Anedota da semana

Na Conservatória do Registo Civil um angolano residente em Portugal quer registar o seu filho recém-nascido:
- "
Bô dia! Eu quer registrar meu minino que nasceu otem."
- "Muito bem. O seu filho nasceu ontem, é do sexo masculino... e qual é o nome?"
- "
Marmequer Bicicreta."
- "Desculpe?! Quer chamar ao seu filho Malmequer Bicicleta?!"

- "É."
- "Desculpe, mas não posso aceitar esse nome."
- "
Não pode porque tu é racista! Si meu minino fosse branco tu punha."
- "Não tem nada a ver com racismo. Esse não é um nome admitido em Portugal."

- "Tu é racista. Si meu minino fosse branco tu punha esse nome a ele. Tu não põe porque meu minino é preto."
- "Já lhe disse que não tem nada a ver com racismo. Malmequer Bicicleta não é nome de gente."
- "
Ai não?! Então porque é que tu tem uma branca chamada Rosa Mota?"

13 Atoardas:

Blogger Isa&Luis disse...

Não sei se preferias que eu fosse «simpático», ma seu costumo ser sincero:
É uma anedota pobre e de mau gosto.
Tenta outras melhores.
Um abraço
Luis

14 maio, 2006  
Blogger Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

ehehehhehe ...nunca tinha pensado nisso mas está bem apanhado
Bjs

14 maio, 2006  
Blogger Barão da Tróia II disse...

Bem visto, além disso cá o burgo anda um pouco assim, andamos com tanto medo de tudo que tudo acontece. O politicamente correcto volta a atacar.

15 maio, 2006  
Blogger Lúcia disse...

um argumento tão bom como outro qualquer, ora...

15 maio, 2006  
Blogger augustoM disse...

Nem tudo que tem duas rodas serve para nome. Está bem apanhada.
Um abraço. Augusto

16 maio, 2006  
Anonymous cidadão comum disse...

o argumento é que nem dá hipótese.

16 maio, 2006  
Blogger pisconight disse...

Contra factos...
;)

16 maio, 2006  
Blogger BlueShell disse...

Boa!
Afastei-me um pouco, bem sei….
A vida tem destes imprevistos que magoam a alma…e estes são reais…não são poesia, nem ficção!

Deixo beijos azuis e um pedido de desculpas…
BlueShell
Wºwºwºwºwººwºwºwºwºwºwºwwºwºwºwºwºw
O0O0O0OO0OO0O0OO0O0O0O0O00O0

16 maio, 2006  
Blogger Helder Ribau disse...

fantastico... vou voltar

16 maio, 2006  
Blogger A minha pele..o meu cheiro.. disse...

Ahhhh já é velhinha mas muito engraçada...tadinho do pai mas sorte do filho!
;-))

Bjx com cheiro da pele.

17 maio, 2006  
Blogger Miguel disse...

Espectacular como sempre ...

Já deu para rir um bom bocado!

Bjks da Matilde

17 maio, 2006  
Anonymous Dra.Daniela Mann disse...

AH AH AH AH AH AH
Espectacular!
Beijinhos

17 maio, 2006  
Blogger terragel disse...

MEU AMIGO ART, tu nem imaginas os nomes que os cablocos amazonenses colocam em seus filhos, são verdadeiras aberrações. Um dia vou te dizer todos os nomes estrambólicos que existem por aqui.
Um Grande Abraço.

17 maio, 2006  

Enviar um comentário

<< Inicio