<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d8890843\x26blogName\x3dAtordoadas\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://atordoadas.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://atordoadas.blogspot.com/\x26vt\x3d7904952202693746813', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

quinta-feira, 28 de junho de 2007

Cuidado com as mulheres...

Uma mulher acompanha o marido à consulta médica. Depois de ser atendido, o médico chama a esposa, reservadamente e diz-lhe:

O seu marido está com stress profundo. A situação é delicada, e se a senhora não seguir as instruções que lhe vou dar, o seu marido certamente vai morrer. São apenas 10 mandamentos que lhe salvarão a vida:

- Todas as manhãs, prepare-lhe um pequeno almoço reforçado
- Para o almoço, ofereça-lhe refeições nutritivas
- Para o jantar, prepare-lhe pratos especiais, comida japonesa, italiana, Francesa
- Mantenha em casa um bom stock de cerveja gelada
- Não o atrapalhe quando ele estiver a ver futebol
- Deixe de ver novelas e não o aborreça com problemas do universo feminino
- Deixe-o chegar a casa a que horas quiser
- Nunca questione onde ele esteve
- Pratique sexo com ele como, quando, e onde ele quiser
- Deixe o seu marido ficar na Internet ininterruptamente

A caminho de casa, o marido perguntou à mulher o que foi que o médico lhe disse.
E ela respondeu: Olha... disse que vais morrer...

terça-feira, 26 de junho de 2007

7 Maravilhas...

Depois da ideia de se elegerem as 7 Maravilhas do Mundo, alguém teve a brilhante ideia de eleger as 7 Maravilhas de Portugal.
E como se não bastasse, outra alma iluminada teve a ideia de fazer a votação para as 7 Maravilhas da Gastronomia Portuguesa.
Bem, depois disto a
100 sentidos do blogue "O Sentido das Coisas" também teve a ideia de levar a votação as 7 Maravilhas da Blogosfera!!!

E agora digo eu, e porque não???

Para quem ainda desconhece este importante acontecimento da blogosfera, e queira participar, aqui vai o regulamento:

1. Podem participar na votação todos os bloggers que mantenham blogues activos há mais de um mês [os outros esperem por outra ideia brilhante que alguém irá ter].

2. Cada blogger deverá referenciar sete nomes de blogues. A cada menção corresponde um 1 voto.
3. Cada blogger só poderá votar uma vez, e deverá publicar as suas menções no seu blogue [da forma que melhor lhe aprouver], enviando-as posteriormente para o seguinte e-mail: 7.maravilhas.blogoesfera@gmail.com. No e-mail, para além da escolha, deverão indicar o link para o post onde efectuaram as nomeações. A data limite para a publicação e envio das votações é dia: 01/07/2007.

4. De forma a reduzir alguns constrangimentos [e desplantes], e evitar algumas cortesias desnecessárias, também são considerados votos nulos:
- Os votos dos blogger(s) em si próprio(s) ou no(s) blogue(s) em que participa(m);
- Os votos no blogue O Sentido das Coisas.

No dia 7.7.2007 serão anunciados os vencedores e disponibilizadas todas as votações.

A minha amiga
Freyja, nomeou o ATORDOADAS como sendo no seu entender uma maravilha de blogue que a encanta sempre que me visita, e que se sente representada nele. Diz ainda que são o sonho e a realidade que lhe despertam emoções... mesmo (agora sou eu que digo) sendo um blogue sem pés nem cabeça... apenas com rodapé e cabeçalho...!!!
Desde já lhe agradeço a honra desta nomeação.
Agora tenho que nomear as minhas 7 Maravilhas...
Ops... afinal só podem ser nomeados blogues. Então lá vai:
-
António Boronha
-
Blog da Bola
-
não compreendo as mulheres
-
O Meu Ponto G
-
Queridos Anos 80
-
Sexo Sem Nexo
-
Vida de Casado

Etiquetas:

segunda-feira, 25 de junho de 2007

Está explicado o porquê de termos os políticos que temos...!

Quando estava a procurar uma casa para comprar, o meu irmão perguntou à vendedora da imobiliária de que lado era o mar, porque segundo ele lhe explicou, queria que o sol lhe entrasse pelas janelas da casa todos os finais de tarde.
A vendedora perguntou-lhe: "O sol põe-se no mar?"
Quando o meu irmão lhe disse que sim, ela sacudiu a cabeça e disse: "Ah... sabe, não me mantenho actualizada a respeito desse tipo de coisas"

Este tipo de gente VOTA


Trabalhei num centro de atendimento a clientes, e um dia recebi um telefonema de uma pessoa que me perguntou qual era o horário em que o centro de atendimento se encontrava aberto.
Eu respondi-lhe: "O número que o senhor marcou está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana"
Ele perguntou: "Pelo horário do Continente, ou da Madeira?"
Querendo acabar com o assunto rapidamente respondi-lhe: "Pelo horário dos Açores"

Ele também VOTA


Tenho uma amiga que tem uma ferramenta no carro para cortar o cinto de segurança se ficar presa nele. Só que ela diz que o guarda na mala do carro!!!

A minha amiga também VOTA


Eu e os meus amigos fomos comprar cerveja, e reparamos que se comprássemos uma grade tínhamos um desconto de 10%. Como a cerveja era para uma festa, decidimos aproveitar e comprar duas grades.
O empregado da caixa multiplicou 10% por 2, e deu-nos um desconto de 20%

Ele também VOTA


Enquanto andava na rua com um amigo, vimos uma mulher com um piercing no nariz, agarrado a um brinco através de uma corrente. O meu amigo perguntou-me: "Será que a corrente não dá um puxão cada vez que ela vira a cabeça?"
Expliquei-lhe que o nariz e a orelha de uma pessoa permanecem à mesma distância, independentemente do lado para o qual se vire a cabeça.

O meu amigo também VOTA


Depois de uma viagem de avião, não consegui encontrar a minha bagagem no aeroporto. Fui até ao sector de bagagens extraviadas, e disse à funcionária que as minhas malas não tinham aparecido.
Ela sorriu, e disse-me: "Não se preocupe, porque sou uma profissional treinada, e você está em boas mãos"
A seguir perguntou-me: "Informe-me apenas... o seu avião já chegou?"

Ela também VOTA


Estava com um colega a almoçar num restaurante perto da empresa, quando ouvi, por acaso, uma administrativa a falar sobre as queimaduras que o sol provoca. Ela dizia que tinha apanhado um escaldão enquanto passeou de carro no fim-de-semana à beira-mar. Ela disse que o carro era descapotável, mas que pensou que não ficaria queimada por o carro estar em movimento.

Ela também VOTA


Agora já sei quem elege os políticos que temos!

ESTÁ EXPLICADO...!!!

É... acho melhor eu ir "curtir" um solzinho...
E não pensar mais nisso...

sábado, 23 de junho de 2007

Ó que bela músicaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!



O mundo é um computador
O futuro a internet
Quando quero navegar
É só ligar prá Lizete

Não entendo inglês
Para mim 'tá tudo "all right"
Três w 's ponto pt
E meto-me em tudo o que é "site"

Ó LIZETE, METE A DISQUETE
QUE EU SÓ ESTOU BEM NA INTERNET

Neste mundo virtual
Internet é paixão
O tempo passa a voar
Nem dou pelo rato na mão

Gosto daquilo que faço
Tudo isto me fascina
Navegar na internet
É ficar c'o astral em cima

Ó LIZETE, METE A DISQUETE
QUE EU SÓ ESTOU BEM NA INTERNET

terça-feira, 19 de junho de 2007

Carta aberta ao BES...

Esta carta foi direccionada ao Banco BES, porém, deveria ser direccionada a todas as instituições financeiras.

Exmos Senhores Administradores do BES,

Gostaria de saber se os senhores aceitariam pagar uma taxa, uma pequena taxa mensal, pela existência da padaria na esquina da vossa rua, ou pela existência do posto de gasolina, ou da farmácia, ou da tabacaria, ou de qualquer outro desses serviços indispensáveis ao nosso dia-a-dia.
Funcionaria desta forma: todos os meses os senhores e todos os usuários, pagariam uma pequena taxa para a manutenção dos serviços (padaria, farmácia, mecânico, tabacaria, frutaria, etc). Uma taxa que não garantiria nenhum direito extraordinário ao utilizador. Serviria apenas para enriquecer os proprietários sob a alegação de que serviria para manter um serviço de alta qualidade ou para amortizar investimentos. Por qualquer produto adquirido (um pão, um remédio, uns litros de combustível, etc) o usuário pagaria os preços de mercado ou, dependendo do produto, até ligeiramente acima do preço de mercado.
Que tal?
Pois, ontem saí do meu BES com a certeza que os senhores concordariam com tais taxas. Por uma questão de equidade e de honestidade. A minha certeza deriva de um raciocínio simples.
Vamos imaginar a seguinte situação: eu vou à padaria para comprar um pão. O padeiro atende-me muito gentilmente, vende o pão e cobra o serviço de embrulhar ou ensacar o pão, assim como, todo e qualquer outro serviço. Além disso, impõe-me taxas. Uma "taxa de acesso ao pão", outra "taxa por guardar pão quente" e ainda uma "taxa de abertura da padaria". Tudo com muita cordialidade e muito profissionalismo, claro.
Fazendo uma comparação que talvez os padeiros não concordem, foi o que ocorreu comigo no meu Banco.
Financiei um carro. Ou seja, comprei um produto do negócio bancário. Os senhores cobraram-me preços de mercado. Assim como o padeiro cobra-me o preço de mercado pelo pão.
Entretanto, de forma diferente do padeiro, os senhores não se satisfazem cobrando-me apenas pelo produto que adquiri.
Para ter acesso ao produto do vosso negócio, os senhores cobraram-me uma "taxa de abertura de crédito" - equivalente àquela hipotética "taxa de acesso ao pão", que os senhores certamente achariam um absurdo e se negariam a pagar.
Não satisfeitos, para ter acesso ao pão, digo, ao financiamento, fui obrigado a abrir uma conta corrente no vosso Banco. Para que isso fosse possível, os senhores cobraram-me uma "taxa de abertura de conta".
Como só é possível fazer negócios com os senhores depois de abrir uma conta, essa "taxa de abertura de conta" se assemelharia a uma "taxa de abertura da padaria", pois, só é possível fazer negócios com o padeiro, depois de abrir a padaria.
Antigamente, os empréstimos bancários eram popularmente conhecidos como "Papagaios". Para gerir o "papagaio", alguns gerentes sem escrúpulos cobravam "por fora", o que era devido. Fiquei com a impressão que o Banco resolveu antecipar-se aos gerentes sem escrúpulos.
Agora ao contrário de "por fora" temos muitos "por dentro".
Pedi um extracto da minha conta - um único extracto no mês - os senhores cobraram-me uma taxa de 1 EUR.
Olhando o extracto, descobri uma outra taxa de 5 EUR "para a manutenção da conta" - semelhante àquela "taxa pela existência da padaria na esquina da rua".
A surpresa não acabou: descobri outra taxa de 25 EUR a cada trimestre - uma taxa para manter um limite especial que não me dá nenhum direito. Se eu utilizar o limite especial vou pagar os juros mais altos do mundo. Semelhante àquela "taxa por guardar o pão quente".
Mas, os senhores são insaciáveis.
A prestável funcionária que me atendeu, entregou-me um desdobrável onde sou informado que me cobrarão taxas por todo e qualquer movimento que eu fizer.
Cordialmente, retribuindo tanta gentileza, gostaria de alertar que os senhores se devem ter esquecido de cobrar o ar que respirei enquanto estive nas instalações do vosso Banco.
Por favor, esclareçam-me uma dúvida: até agora não sei se comprei um financiamento ou se vendi a alma?
Depois que eu pagar as taxas correspondentes, talvez os senhores me respondam informando, muito cordial e profissionalmente, que um serviço bancário é muito diferente de uma padaria. Que a vossa responsabilidade é muito grande, que existem inúmeras exigências legais, que os riscos do negócio são muito elevados, etc, etc, etc, e que apesar de lamentarem muito e nada poderem fazer, tudo o que estão a cobrar está devidamente coberto por lei, regulamentado e autorizado pelo Banco de Portugal.
Sei disso.
Como sei, também, que existem seguros e garantias legais que protegem o vosso negócio de todo e qualquer risco. Presumo que os riscos de uma padaria, que não conta com o poder de influência dos senhores, talvez sejam muito mais elevados.
Sei que são legais.
Mas, também sei que são imorais. Por mais que estejam protegidos pelas leis, tais taxas são uma imoralidade. O cartel algum dia vai acabar e cá estaremos depois para cobrar da mesma forma.

Vitor Pinheiro

domingo, 17 de junho de 2007

Ser macho é:

- Sentir a dor física de uma bolada nos tomates
- A tortura de ter de usar fato e gravata no Verão
- O suplício de fazer a barba todos os dias
- A loucura que é fingir indiferença diante de uma mulher sem soutien
- A loucura de resistir olhar para umas pernas com uma mini-saia
- Ir à praia e resistir olhar para aquele mulherão que está deitada ao lado
- Ter sempre de resolver os problemas do carro
- Ter de reparar na roupa nova dela
- Ter de reparar que ela mudou de perfume
- Ter de reparar que ela cortou o cabelo, mesmo que seja só 1cm
- Ter de jamais reparar que ela está com um pouco de celulite
- Ter de jamais dizer que ela engordou, mesmo que seja a pura verdade
- Desviar os olhos do decote da secretária, que se faz distraída e deixa a blusa desabotoada até ao umbigo
- Ter a obrigação de ser um atleta sexual
- Ter a suspeita de que ela, com todos aqueles suspiros e gemidos, só está a tentar incentivar-nos
- Ouvir um NÃO, virar para o lado conformado e dormir, apesar da vontade de partir o quarto todo e fazer um escândalo
- Ter de ouvi-la dizer que está sem roupa, quando o problema é onde colocar novos armários para guardar mais roupa
- Ter de almoçar aos domingos na casa dos sogros, discutir política com aquele velho fascista, tratar bem os sobrinhos, controlar-se para não olhar para o decote da irmã dela, e não arrear um arraial de porrada ao irmão dela, sacana do caraças que vem sempre pedir dinheiro emprestado.
Depois elas ainda acham que é fácil, só porque NÃO TEMOS O PERÍODO!!!...

sexta-feira, 15 de junho de 2007

Portugal no seu melhor!!!


Portugal no seu melhor!!!
Portugal no seu melhor!!!

quinta-feira, 14 de junho de 2007

Agora que o calor começa a apertar...
Tenham cuidado com as saladas...


Será que o sapo tomou banho, e está lavadinho???...

domingo, 10 de junho de 2007

Não há milhões que paguem um reforço destes...!!!


Porque com "ela" qualquer um se arriscaria a ser Campeão crónico...

quinta-feira, 7 de junho de 2007

A caminho da outra margem...


...da Costa da Caparica... o "Deserto" da Margem Sul...!!!

terça-feira, 5 de junho de 2007

Perfil de um Português Típico

- NOME: Carlos Manuel (Camané)
- PROFISSÃO: Funcionário Público
- IDADE: 43 anos
- ALTURA: 1,62 m (sem sapatos, porque com sapatos, que é o que interessa: 1,66 m)
- PESO: 83,4 Kg
- OLHOS: Castanhos (verdes no verão)
- SINAIS PARTICULARES: Bigode
- NOME DA MULHER: A minha esposa chama-se Ivone e é uma senhora que se dá ao respeito, por isso nada de porcarias ao pé dela...
-SINAIS PARTICULARES DA MULHER: 123-96-148 (mas era cá um avião quando era nova...!)
- FILHOS: 1,5 (0,5 a dividir com o marido da amante)
- CLUBE: Benfica
- ÍDOLO: Luis Filipe Vieira (se o homem fosse desonesto, já o tinham prendido... vocês é que têm dôr de corno!!!)
- ÓDIO: RTP1 (não a vejo, porque é dos 'gajos'. Só vejo a SIC e a TVI que são nossas!)
- DESPORTO PREFERIDO: Morfar
- PRATO FAVORITO: Pezinhos de coentrada e pudim Molotof
- RECORD PESSOAL: Cuspidela de 4,4 m (vento regular)
- SITUAÇÃO IDEAL PARA FAZER AMOR: O que é isso?
- FRASE PREFERIDA PARA A COMPANHEIRA: Mas a conversa já chegou à cozinha?!
- PERFORMANCE SEXUAL: 3,84 minutos no acto (record alcançado duas vezes, a primeira em 3-07-1975 e a segunda no dia 4-05-1996, e não precisei para nada dessa porcaria do Viagra!...)
- DIMINUTIVO DA SOGRA: Cabra
- PENSAMENTO SOBRE O SOGRO: Até que era um gajo porreiro
- PENSAMENTO SOBRE A VIDA: Desde que haja comidinha na mesa e que o Benfica não perca, estou-me a cagar para o resto...
- POSIÇÃO SOBRE OS BOMBARDEAMENTOS: Rebentem as fronhas aos monhés!
- MUSEU FAVORITO: O Trombinhas (vou lá para ver as estátuas... não sei se 'tás a ver?!)
- HOBBY PREFERIDO: Adoro encontrar-me com uns amigos para podermos conversar sobre gajas e futebol
- O QUE MAIS GOSTA EM PORTUGAL: Amália (sempre), Salazar (se o homem cá tivesse andavam todos na linha), Bárbara Guimarães (Viste-me aquela tranca pá!?...)
- O QUE MENOS GOSTA EM PORTUGAL: Esta merda tá a ficar cheia de pretos, pá... deviam mas é mandar os gajos pra terra deles...
- JORNAL PREFERIDO: A Bola (Ao Sábado, na casa de banho... enquanto cago)
- LOCAL DE FÉRIAS IDEAL: O Correia foi a Cuba de férias, sem a patroa e diz que aquilo é à fartazana...
- LOCAL DE FÉRIAS: Havias de ver a roulote que tenho no parque da Costa, aquilo é um luxo, e no Verão com o adiantado para as sardinhadas fica um mimo!...
- GRANDES ASPIRAÇÕES NA VIDA: Benfica campeão (que saudades!), um Jipe , uma mota-de-água e um telemóvel dos que tiram fotografias